Você está aqui:

Estrutura Curricular

A estrutura curricular do curso de Engenharia Civil da UFC/Crateús tem como linha de horizonte o perfil do egresso que se almeja formar e as competências e habilidades a serem desenvolvidas. Em termos legais, o currículo proposto baseia-se na Resolução CNE/CES nº. 11/2002 que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Engenharia.

Formada por 58 (cinquenta e oito) componentes curriculares obrigatórios e 63 (sessenta e três) componentes curriculares optativos, a Estrutura Curricular está distribuídas em 10 (dez) semestres ou 5 (cinco anos) e inclui disciplinas e atividades de caráter obrigatório (incluindo o Estágio Supervisionado e as atividades “Projeto de Graduação I” e Projeto de Graduação II”), as quais correspondem a 3.360 horas-aula, 112 horas em atividades complementares e 224 horas-aula referentes a disciplinas optativas totalizando 3.696 horas-aula (210 créditos).

A Estrutura Curricular estão inseridas partes fixas e partes flexíveis, o que propicia aos discentes construí-la, mediante a escolha livre de componentes curriculares flexíveis que melhor atendam suas expectativas individuais e permita atualização constante de seu conhecimento nas áreas de construção civil, estruturas, geotecnia, transportes, recursos hídricos e saneamento.

Além disso, na implementação da estrutura curricular do curso busca-se ofertar um programa curricular flexível, por meio de uma carga-horária dedicada aos componentes curriculares optativos. Soma-se a isso, a necessária vivência do educando, para fins de integralização curricular, em atividades complementares que, conforme a Resolução da Universidade Federal do Ceará nº 07/CEPE de 17 de junho de 2005, podem ser experienciadas em sete diferentes categorias, sejam elas: Atividades de iniciação à docência, pesquisa, extensão e Programa de Aprendizagem Cooperativa em Células Estudantis (PACCE); Produção técnica/científica; Atividades de participação e/ou organização de eventos; Experiências profissionais; Vivências de gestão; Atividades artístico-culturais e esportivas e Atividades Extras.

A estrutura curricular do curso de Engenharia Civil contempla ainda a oferta de componentes optativos que visam propiciar aos seus educandos uma compreensão crítica e humanística da realidade em que estão inseridos, tais como: Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), Relações Étnicos Raciais e Africanidades e Diferença e Enfrentamento Profissional nas Desigualdades Sociais, sendo esse último componente ofertado na modalidade à distância.

A articulação da teoria com a prática evidencia-se ao longo da estrutura curricular, desde os semestres iniciais do curso, tais como: Desenho para Engenharia, Programação Computacional, Topografia, Eletrotécnica, entre outros. A articulação entre a teoria e prática propicia ao discente uma aplicação imediata dos conteúdos alicerçados ao longo das aulas teóricas, sendo essa articulação considerada elemento fulcral nos processos de aprendizagem e construção do conhecimento.

Clique aqui
e veja a estrutura curricular ilustrada