Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui:

Curso de Sistemas da Informação

Histórico

A concepção do curso de Sistemas da Informação no Campus da UFC em Crateús está em conformidade com a política nacional de expansão da educação superior, que visa responder à demanda cada vez maior por novas vagas nesse nível de formação. Essa crescente demanda pode ser explicada tanto pelo crescimento da população jovem no país que tem conseguido concluir o ensino médio, como pelas necessidades criadas pela sociedade pós-moderna, a qual demanda um maior número de profissionais das ciências exatas e tecnológicas com boa qualificação.

O curso procura atender à demanda por futuros profissionais desta área, na qual têm sido empreendidas algumas iniciativas do Governo do Estado e de empresas cearenses em criar polos de desenvolvimento tecnológico. Neste contexto, a UFC possui a intenção de liderar o processo de criação de um novo parque regional de tecnologia da informação na microrregião do Sertão de Crateús, projeto esse que conta com a articulação com prefeituras, Governo do Estado e entidades federais que estão apoiando esta iniciativa, além de grupos para incentivar o empreendedorismo.

Sua criação entra em consonância com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da UFC para os anos 2018-2022, segundo o Eixo Ensino, no objetivo estratégico “Implementar nos cursos de graduação e de pós-graduação, vigentes e a serem criados, currículos flexíveis para atenderem as necessidades de melhor articulação teoria e prática, indissociabilidade ensino- pesquisa, extensão, inclusão, internacionalização, sustentabilidade ambiental e formação baseada em metodologias ativas de ensino e aprendizagem”; além de se adequar aos requisitos previstos no Indicador Políticas institucionais no âmbito do curso, da Dimensão Organização didático-pedagógica do ICG.

O curso de Sistemas de Informação da UFC Campus de Crateús foi criado pela Resolução CONSUNI/UFC nº 27/2014 e teve sua autorização decretada através da Portaria SERES/MEC nº 646/2014. O curso iniciou suas atividades a partir do ano de 2015 tendo ofertado suas vagas através do processo de seleção ENEM/SiSU. As Diretrizes Curriculares Nacionais específicas para o curso foram instituídas com base no Parecer CNE/CES nº 136/2012, homologado por Despacho do Senhor Ministro de Estado da Educação, Resolução nº 5, novembro de 2016, publicado no DOU de 28 de outubro de 2016.